ELAS E ELES

Será que só os homens têm personalidade “prego a fundo”?

Dizem que os homens são mais entendidos quando o assunto são carros, mas será que é bem assim, ou as mulheres também podem ter uma personalidade “prego a fundo”?

Tipicamente os homens são vistos (no mundo automóvel) como os rápidos e os “prego a fundo”. Por outro lado, as mulheres são conhecidas como as condutoras conscientes, que gostam de segurança e economia, e sem grandes velocidades.No entanto, essas características não são necessariamente verdade e, tal como estes dois tipos de personalidade podem conviver e ser atribuídos aos dois géneros, também os próprios automóveis conseguem assumir as duas personalidades sem perder as suas qualidades.

Economia e praticidade são duas das qualidades que todos desejamos num automóvel. Assim, é fundamental perceber todas as diferenças sobre veículos elétricos e plug-in para, no momento de fazer a melhor escolha, termos todos os cenários possíveis em mente.

Se, de um lado, os veículos elétricos são alimentados por energia elétrica armazenada em baterias, por outro, os veículos híbridos plug-in são um must have para quem quer tanto uma motorização elétrica como convencional.

Os veículos elétricos têm um motor elétrico que reduz a necessidade de manutenção deste tipo de carros e ainda reduz emissões de CO2 enquanto está a conduzir. Já no que diz respeito aos consumos – um dos assuntos que traz música aos ouvidos de qualquer um -, os veículos elétricos garantem uma maior poupança, uma vez que o seu abastecimento é feito de eletricidade. Contas feitas, a eletricidade é mais barata do que a gasolina ou gasóleo.

Com dois terços da energia de um carro convencional, os veículos elétricos são mais silenciosos. Já os veículos híbridos plug-in agradam aos dois mundos, como já sabemos, porque têm motorização elétrica e convencional, ou seja, podem funcionar de forma independente ou complementar, tendo um motor para circular em qualquer ambiente.

Os veículos híbridos plug-in assumem um compromisso positivo entre praticidade, economia e prazer de condução, uma vez que oferecem uma maior autonomia elétrica. De dia pode circular em modo elétrico e poupar nos consumos e desgaste do carro e, durante o fim de semana, utilizar o modo convencional para circular sem olhar para onde os carregadores estão localizados.

No entanto, não é por isso que um veículo elétrico é uma má opção. Até porque estamos a falar da escolha certa se pretendemos um carro sustentável, ecológico e sem emissões de dióxido de carbono. Para além disso, também os elétricos podem assumir as duas personalidades e tornar-se “prego a fundo”.

Cálculos feitos, o resultado será mais fácil de encontrar. Com personalidades para todos os gostos só falta saber: que personalidade assume ao volante?

Destaque

Sete essenciais para ter no carro

Saiba qual o kit de que mais precisa ter dentro do seu carro, para estar sempre preparada, para tudo. Porque uma mulher prevenida vale mais do que duas!

Ler Mais

Últimos Artigos

Liliana Campos, uma cara conhecida dos portugueses com muitas histórias para partilhar

Uma conversa sobre escolhas a fazer como mulher com Joana Vaz

Marisa Liz, uma conversa sobre igualdade, perseverança e como esta consegue tornar todos os sonhos possíveis

Artigos Relacionados