O QUE ELAS QUEREM

O seu corpo tem mais design do que imagina

Quem não tem uma alguma inibição em mostrar o seu corpo? Afinal, seja por um motivo ou por outro, há sempre alguma parte do corpo que nos deixa menos confiantes.

Mas, por que motivo é tão difícil aceitar o nosso corpo com naturalidade? Afinal, a subjetividade do gosto de cada um relativiza até a beleza das supermodelos. Isto porque, na verdade, se há quem goste de mulheres mais magrinhas, há quem prefira mulheres mais cheiinhas, e há quem não resista às muito altas ou, então, às que são particularmente baixinhas. Entre morenas, loiras, ruivas e muitas mais, torna-se muito difícil eleger a mulher ideal.

Por isso, os modelos de beleza feminina deveriam ser mais abrangentes e a nossa autoestima inabalável. Até porque o conceito do belo foi variando ao longo dos anos, sendo também diferente de cultura para cultura, de país para país. Por exemplo, na Coreia a brancura e os olhos grandes são consideradas marcas de beleza. Já na Austrália, um corpo extremamente musculado é o mais apreciado e no norte da Tailândia os pescoços muito, mas mesmo muito longos são os mais bonitos. Ora, perante tantas formas de beleza, pode apenas concluir-se que os critérios de beleza são tão variados quanto as opiniões, mentalidades, países e culturas, entre tantos outros aspetos.

Um bom exemplo da aceitação de diferentes padrões de beleza pode ser encontrado no design automóvel. Isto porque encontramos modelos de automóveis muito distintos, que democratizam formas variadas de beleza. Automóveis mais imponentes, voluptuosos, com linhas mais retas ou sinuosas, com frentes mais vincadas ou subtis afirmam estilos diversificados, assim como formas de conceção distintas.

Ora, perante tantas formas de beleza, pode apenas concluir-se que os critérios de beleza são tão variados quanto as opiniões, mentalidades, países e culturas, entre tantos outros aspetos.

Há carros mais desportivos, outros são todo-o-terreno, alguns mais propícios à condução na cidade. Em suma, cada um foi pensado para uma função e performance diferente. Desde o esboço inicial a carvão ao modelo em tamanho real – em barro – que se faz de um protótipo, o design automóvel está muito ligado à procura íntima das melhores linhas, que agradem ao olhar mas que componham, também, um automóvel funcional, prático e cómodo para o condutor e para os seus passageiros.

Todo esse processo é semelhante à moda, por exemplo, que implica a conjugação da estética com a procura dos melhores tecidos que resultem numa criação original mas também confortável para quem a usa. O que seria se diariamente as mulheres usassem peças belíssimas mas que a cada movimento causassem desconforto? Vestir bem tornar-se-ia, decerto, um tormento.

O design é, afinal, uma harmoniosa consonância entre estética e funcionalidade. E o corpo humano não se afasta dessa premissa. Uma mulher que goste de correr treina, molda o seu corpo de modo a poder correr de forma mais veloz, e a própria natureza transforma o corpo feminino de forma tão extraordinária que lhe permite dar à luz.

Já o corpo de uma bailarina será mais musculado e definido do que o corpo de uma mulher cuja profissão a obrigue a ter, diariamente, menos esforço físico. São linhas corporais moldadas, e que merecem valorização pela beleza, capacidade e potencial que guardam.

Aceitar as suas linhas, curvas e contracurvas, de modo a que se sinta bem consigo própria, irradiando confiança e segurança, é fundamental. E sensação semelhante deve sentir quando conduzir o seu automóvel de linhas destacadas, precisas e funcionais.

Destaque

Sete essenciais para ter no carro

Saiba qual o kit de que mais precisa ter dentro do seu carro, para estar sempre preparada, para tudo. Porque uma mulher prevenida vale mais do que duas!

Ler Mais

Últimos Artigos

Liliana Campos, uma cara conhecida dos portugueses com muitas histórias para partilhar

Uma conversa sobre escolhas a fazer como mulher com Joana Vaz

Marisa Liz, uma conversa sobre igualdade, perseverança e como esta consegue tornar todos os sonhos possíveis

Artigos Relacionados